Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cachimbo de Água

MENU

Os murmúrios da noite

Francisco Luís Fontinha 29 Jan 15

Pintura_216.jpg

 

(desenho de Francisco Luís Fontinha)

 

 

Tenho medo meu amor

quando os murmúrios da noite caem sobre os teus seios poéticos

e o fantasma do poema acaricia o teu corpo

como se fossem as minhas mãos encardidas pelo passado

tenho medo

meu amor

quando chove

tempestades...

e tu

não estás

ausente

viajante

 

dos círculos de gesso

e das acrílicas esferas que dormem nos teus cabelos

tenho medo do teu silêncio

e dos teus lábios de pergaminho

a rua deserta meu amor

um cigarro despede-se de mim

como se esta fosse a nossa última noite

juntos

e tu

não estás

ausente

viajante

 

do cúbicos orgasmos literários

tenho

medo

meu

amor

das pedras

dos pássaros

… e das flores

tenho medo que regresses

em formato digital

a preto e branco

a fotografia da teu destino...

 

 

 

Francisco Luís Fontinha – Alijó

Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2015

Insónia madrugada

Francisco Luís Fontinha 29 Jan 15

A1_041.jpg

 

(desenho de Francisco Luís Fontinha)

 

 

Perco-me nas avenidas de cartão,

levo nos ombros o peso das tardes húmidas,

carrego a insónia madrugada

como se fosse um corpo invisível,

sem palavras,

perdido,

a humilhação do amanhecer

quando eu não queria acordar

e olhar

as avenidas de cartão,

e perde-se o cansaço

num simples sorriso de luar...

 

 

Francisco Luís Fontinha – Alijó

Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2015

Sobre o autor

foto do autor

Feedback