Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cachimbo de Água

MENU

Querer-te

Francisco Luís Fontinha 9 Out 15

Querer-te não te quero

Querendo, assim, querer-te sem saber se te quero,

Querer… dormir nos teus braços,

Não querendo,

Querer…

Sonhar nas tuas mãos,

Querer-te não te quero

Querendo

Querer-te,

Assim… triste como a noite,

Desejando querer-te

Querer… beijar os teus lábios querendo,

 

Sem tempo,

Sem crença…

De querer-te,

 

Querer-te não te quero

Querendo, fingir que te amo não te amando,

Querendo,

Não o quero…

Querer-te

Querer-te brincando,

 

Neste submerso cansaço da paixão,

O querer e não o querer,

O amar e não o ser amado,

Querendo,

Querer…

Querer-te amando,

Amar,

Sem saber que o amor é querendo,

 

Sem saber que o amor é querer-te,

Hoje,

Ontem não, ontem não querendo,

Querer-te beijando,

O querer,

O não o querer,

Sem sono,

Sem o saber,

Que querer…

É querer sem o saber,

E o quero-te…

É uma carta por ler.

 

Francisco Luís Fontinha – Alijó

Sexta-feira, 9 de Outubro de 2015

Sobre o autor

foto do autor

Feedback