Blog de Luís Fontinha. Nasceu em Luanda a 23/01/1966 e reside em Alijó - Portugal desde Setembro de 1971. Desenhador de construção civil, estudou Eng. Mecânica na ESTiG. Escreve, pinta, apaixonado por livros e cachimbos...

11
Jun 11

As minhas palavras enrolam-se na tua boca e as frases penduram-se nos teus lábios, a tua majestosa língua acaricia-me os dedos dos pés, e em movimento ascendente e rotacional percorre cada milímetro quadrado do meu corpo, no peito dás-me uma dentadinha e o meu Ai cola-se no vidro da janela,

 

- Ontem queria morrer, deixar de escrever, hoje, hoje apenas que terminasse o universo e ficasses eternamente deitada sobre mim, e que os teus lábios adormecessem no meu peito,

 

Beijo os teus invisíveis cabelos, passo-lhes as minhas mãos encardidas pela tinta das telas e as imagem começam a voar pelo quarto mal iluminado, com o dedo mínimo nos teus lábios, arranco-te um sorriso, e há tanto tempo que não escutava um sorriso teu…

 

- Desde que me sentava junto ao Tejo e no sorriso das gaivotas sentia que um dia vinhas adormecer dentro de mim, e enquanto eu acenava ao navio que em espasmos escurecia os meus olhos, imaginava o teu corpo nu caminhando junto ao mar,

 

O Ai olha-nos e escuta os gemidos silenciosos do teu corpo, nos teus braços as flores poisam e cantam para ti, iluminam-se de distâncias pequeníssimas, o meu corpo é verde, um plátano encalhado na maré, ou um veleiro que acaba de regressar de longe,

 

- As minhas palavras enrolam-se na tua boca e as frases penduram-se nos teus lábios, o teu perfume de desejo ancora-se nos meus braços cansados, e no teu púbis sinto que acaba de nascer um poema, o poema tem vida, o poema diverte-se na calçada antes do rio, e o cheiro a algas dorme sobre nós,

 

Ontem queria morrer, deixar de escrever, hoje, hoje abraçar-te e ter-te nos braços, hoje voar nos teus sonhos, hoje, hoje apertar-te com força, e tu,

 

- Parvo, tantas cócegas que te vou fazer.

 

 

(texto de ficção)

Luís Fontinha

11 de Junho de 2011

Alijó

publicado por Francisco Luís Fontinha às 22:00

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Junho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO