Blog de Luís Fontinha. Nasceu em Luanda a 23/01/1966 e reside em Alijó - Portugal desde Setembro de 1971. Desenhador de construção civil, estudou Eng. Mecânica na ESTiG. Escreve, pinta, apaixonado por livros e cachimbos...

22
Jun 15

A paixão do homem

No homem camuflado,

Salto os muros da infância,

Perco-me nas arcadas dos alicerces cinzentos,

Sei que hoje o meu destino,

É saltar,

Voar sobre os fios de seda dos teus lábios,

Tenho beijos na palma da mão,

Sou um clandestino silêncio à procura do amanhecer,

Palpita no meu peito

O cansaço dos sonhos adormecidos num qualquer Oceano,

Aqui,

Não sou ninguém,

Pareço as ruínas de um edifício de ossos,

O pó poisa nos meus ombros em cartolina solitária,

Como um lápis de carvão,

Deitado na eira…

Os dedos enterrados no chocolate teu corpo,

Os comboios imaginários entranhados nas tuas coxas de marfim,

A paixão do homem…

No homem…

O camuflado cinzeiro das noites sem dormir,

No homem,

O homem,

Sempre na esperança de partir…

 

Francisco Luís Fontinha – Alijó

Segunda-feira, 22 de Junho de 2015

publicado por Francisco Luís Fontinha às 23:13

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

17

23
25



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO