Blog de Luís Fontinha. Nasceu em Luanda a 23/01/1966 e reside em Alijó - Portugal desde Setembro de 1971. Desenhador de construção civil, estudou Eng. Mecânica na ESTiG. Escreve, pinta, apaixonado por livros e cachimbos...

07
Nov 14

O fantasma espelhado da tua voz

caminhando na lareira do desejo

um cortinado de luz em direcção ao nada

tristes são as tuas palavras

acorrentadas ao silêncio

o falso destino

as imagens melódicas dos teus lábios

voando no vulcão da saudade

e da cidade regressam a mim os tentáculos espinhos de aço

que se alicerçam no meu peito...

a dor imaginária quando sei que a tua sombra se confunde com a madrugada

ainda por nascer...

criança

criança desalmada

criança flor no jardim em chamas...

o fantasma espelhado...

alimentando todas as sílabas do cabelo invisível

palmilhando montanhas e searas nocturnas

subindo as escadas do sótão sem coração

e embriagado

beijo

o teu

o primeiro...

o último

fim...

fim...

como a vida de um homem nas margens de um rio.

 

 

 

Francisco Luís Fontinha – Alijó

Sexta-feira, 7 de Novembro de 2014

publicado por Francisco Luís Fontinha às 22:41

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO