Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cachimbo de Água

MENU

O livro de poesia

Francisco Luís Fontinha 9 Set 11

Poetas há muitos,

Que escrevem poesia, poucos,

Eu, não escrevo e não sou poeta,

Sou um curandeiro charlatão,

Um impostor,

Analfabeto?, não,

Não sou analfabeto,

Analfabeto não senhor,

E já vi um analfabeto de bandeira na mão,

E na mão um livro de poesia…

Editado pela Autarquia,

Ai poesia,

Nem merda nem de dia,

E como pode um analfabeto

Escrever poesia?,

Ai querido AL Berto,

Se lesses a poesia

De um analfabeto…

Ai querido AL Berto,

Se tivesses na mão a porcaria

De um livro de poesia,

Editado pela Autarquia…

Sobre o autor

foto do autor

Feedback