Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cachimbo de Água

MENU

Em cada dia de mim

Francisco Luís Fontinha 11 Abr 11

Em cada dia de mim

Páginas em branco

Palavras sem sentido

Que tomam banho na minha mão

 

Porque em cada dia de mim

Há um silêncio em teu olhar

Uma rosa à minha espera

Junto à ribeira

 

Um cisne que me come

Na imensidão da noite

Que em cada dia de mim

Acorda o luar que vem de ti…

 

 

FLRF

11 de Abril de 2011

Alijó

Sobre o autor

foto do autor

Feedback