Blog de Luís Fontinha. Nasceu em Luanda a 23/01/1966 e reside em Alijó - Portugal desde Setembro de 1971. Desenhador de construção civil, estudou Eng. Mecânica na ESTiG. Escreve, pinta, apaixonado por livros e cachimbos...

23
Mar 11

Nos meus lábios poisam gaivotas

Que do oceano me trazem tristeza.

Nos meus lábios poisam gaivotas

E na minha boca cresce uma sombra,

 

Ergue-se a tempestade,

E uma abelha fica esquecida na minha mão…

Poisam gaivotas nos meus lábios

Como se o sol estivesse dentro de mim,

 

Como se a minha mão fosse o pólen…

O alimento apetecido das abelhas.

Do oceano me trazem tristeza

As gaivotas que poisam nos meus lábios.

 

 

Luís Fontinha

23 de Março de 2011

Alijó

publicado por Francisco Luís Fontinha às 11:47

Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

17
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO