Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cachimbo de Água

MENU

Criança de porcelana

Francisco Luís Fontinha 23 Jan 15

Desenho_A1_111.jpg

 

(desenho de Francisco Luís Fontinha)

 

 

preciso das tuas asas para sorrir

vivi numa casa que apelidaram de “borboleta”

nada tinha

às janelas faltavam os vidros

os cobertores tinham partido em viagem silenciosa

e nunca mais regressaram

quando ia à janela via o mar

e a Baía de Luanda

não mar

não asas para sorrir...

a “borboleta” tinha medo das minhas mãos

e quando encostava a cabeça às frestas do gesso cansado

sentia um barco atrapalhado descendo as escadas

correndo

como uma gaivota

que nunca

nunca... quis entrar dentro da “borboleta”...

porque ela era filha de um papagaio imaginado pela criança de porcelana.

 

 

 

Francisco Luís Fontinha – Alijó

Sexta-feira, 23 de Janeiro de 2015

Sobre o autor

foto do autor

Feedback